O que é a dietoterapia chinesa? - Ana Louro Saúde
494
post-template-default,single,single-post,postid-494,single-format-standard,bridge-core-2.5.6,ajax_fade,page_not_loaded,,qode-title-hidden,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-theme-ver-24.1,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.4.2,vc_responsive
dietoterapia chinesa

O que é a dietoterapia chinesa?

A dietoterapia faz parte da abordagem holística da medicina chinesa. Afinal, a comida é uma das melhores ferramentas para manter a saúde e reforçar o nosso sistema energético.

A dietoterapia chinesa olha para o alimento (qual a sua natureza e efeito energético no organismo) e para o sistema digestivo (de que forma o alimento é assimilado e excretado).

Sendo importante uma avaliação personalizada, para recomendações específicas ao síndrome energético de cada indivíduo, de forma generalizada é possível dar as seguintes indicações:

  • Promova a digestão evitando bebidas frescas, bebendo um chá/infusão morna antes das refeições ou começando as refeições com uma sopa;
  • Tente criar rotinas, cumprindo horários fixos de refeições;
  • Jante cedo e pouco, o par energético baço/estômago ao final do dia tem o ponto mais baixo da sua energia;
  • Promova boas emoções e um ambiente descontraído durante as refeições;
  • Não termine as refeições com um alimento cru ou frio;
  • Faça uma alimentação variada, comer sempre alimentos da mesma natureza, sabor ou cor, leva a desequilíbrios energéticos;
  • Varie também na forma de confecção dos alimentos; e
  • Prefira alimentos locais e da época, são estes que o nosso organismo está preparado para assimilar.

 

Facilmente conseguimos perceber que os pilares básicos da saúde são comuns a todas as abordagens: coma bem, mexa o seu corpo, cuide dos seus pensamentos e emoções!

 

Caminhos válidos há muitos, este é o meu! Vens comigo?